segunda-feira, junho 18, 2007

Homem Sagaz


José da Silva era um homem sagaz. Hoje, com 35 anos, depois de ter sofrido um acidente aos 22, perdido os pais, ficou à margem da sociedade vivendo nas ruas e vendendo chicletes e doces nos sinais. Esta tarde estava muito ensolarada e bem perto do asfalto, em sua cadeira de rodas improvisada, ele sentia o calor das 2 da tarde emanando do asfalto e esquentando infernalmente o ar ali em baixo. Quando ficou vermelho, ele, com seu boné, foi se dirigindo entre as duas fileiras de carros para pedir esmola para os dois lados. Na primeira fila de carros não ofereceram nada, na segunda, o motorista ofereceu umas moedas que quase cairam no chão por que o sinaleiro tinha se tornado verde. Neste momento ele já tinha que ter saido da rua e deveria estar na calçada, descansando, mas os carros já haviam partido e ele ficou no meio das filas tentando sair. Como todos estavam com muita pressa ele desistiu, e ficou alí observando os prédios, as nuvens e sua vida em perigo, enquanto os carros passavam a toda velocidade por seu lado.

5 comentários:

Rodrigo disse...

Oi, achei teu blog pelo google tá bem interessante gostei desse post. Quando der dá uma passada pelo meu blog, é sobre camisetas personalizadas, mostra passo a passo como criar uma camiseta personalizada bem maneira. Até mais.

Rodrigo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Rodrigo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Lê disse...

Atualização urgente!!!!

Milana disse...

Esse post já tá meio velho, não? (: